A gente acredita que cada casamento rende um filme…de amor, outros com um toque de suspense, cenas de uma boa comédia romântica. Para inspirar e relaxar, aqui vão 10 dicas de filmes sobre casamentos que a Quinta das Bromélias separou pra você se inspirar, se emocionar, rir, chorar….! Pega a pipoca e boa sessão!

 Mamma Mia! (2008) Em uma ilha grega, Sophie (Amanda Seyfried) está prestes a se casar e, sem saber quem é seu pai, envia convites para três homens: Todos eles chegam para o casamento, vindos de diferentes partes do mundo, dispostos a reencontrar a mulher de suas vidas: Donna (Meryl Streep), mãe de Sophie. Donna é surpreendida, tendo que inventar desculpas para não revelar quem é o pai da noiva. Musical de enorme sucesso na Brodway!

Missão Madrinha de Casamento (Bridemaids, 2011) Lillian (Maya Rudolph) vai se casar e convida a amiga Annie (Kristen Wiig) para ser sua madrinha, que se dedica à função de corpo e alma. Só que, logo no primeiro evento pré nupcial, Annie conhece Helen (Rose Byrne), uma bela e rica mulher que quer ser a nova melhor amiga da noiva. As duas logo passam a disputar a proximidade da amiga, assim como o posto de organizadora do casamento.

O Casamento de Rachel (Rachel Getting Married, 2008) Kym (Anne Hathaway) está visitando sua família devido ao casamento de sua irmã, Rachel (Rosemarie DeWitt), do qual será madrinha. Ela carrega consigo um histórico de conflitos pessoais e familiares, que aos poucos se manifestam no período em que está no local.

Penetras Bons de Bico (Wedding Crashers, 2005) John (Owen Wilson) e Jeremy (Vince Vaughn) são amigos de longa data e trabalham juntos como mediadores de divórcios. A dupla tem como hobby ir a festas de casamento nos fins de semana sem serem convidados, com o objetivo de seduzir mulheres que se entusiasmam com a simples ideia de se casar. Até que conhecem Claire (Rachel McAdams), uma jovem noiva que é também filha de um influente político (Christopher Walken), que faz com que a dupla entre em apuros!

Um Casamento à Indiana (Monsoon Wedding, 2001)  A família Verma se reúne em Nova Delhi para um casamento arranjado às pressas. Várias histórias se entrelaçam, retratando diferentes aspectos do amor e atravessando fronteiras geográficas, sociais e morais.

Quatro Casamentos e Um Funeral (Four Weddings and a Funeral, 1993) O Solteirão (Hugh Grant) não quer se comprometer de forma nenhuma até conhecer, em um casamento, uma envolvente mulher (Andie MacDowell). Daí suas convicções são abaladas e essas questões envolvem toda a trama. Um clássico!

 O Banquete de Casamento (Hsi Yen, 1993) Wai-Tung (Winston Chao) é um chinês radicado nos Estados Unidos que leva uma vida exemplar. Como já não é mais um garoto, sua família começa a se preocupar com a solteirice do filho e trata de arranjar uma noiva. Só há probleminha… Wai-Tung é gay e tem um relacionamento estável com Simon (Mitchell Lichtenstein). Sem coragem de contar aos pais a verdade, o jovem chinês pede à uma jovem, Wei-Wei, para fingir ser sua pretendente. Tem início uma série de mal-entendidos e situações que conduzem o filme! Divertido e “libertador”!

 Noiva em Fuga (Runaway Bride, 1999) Maggie Carpenter (Julia Roberts) possui um grave problema: não consegue se casar. Já tentou por 3 vezes, mas na hora da cerimônia algo acontece e ela sempre foge do altar. Quando a história chega aos ouvidos de Ike Graham (Richard Gere), um jornalista machista da cidade grande, ele a publica em sua coluna e logo em seguida é demitido por não ter confirmado a história antes. Decidido a recuperar o emprego, Ike parte para a cidade de Maggie a fim de provar que a história da noiva fujona verídica! *Julia Roberts em mais um papel de “a mulher maravilhoda e rejeitada! Vale a diversão!

Casamento Grego (My Fat Greek Wedding, 2002) Toula Portokalos (Nia Vardalos) tem 30 anos, é grega e trabalha no restaurante de sua família. O sonho de seu pai é vê-la casada com um grego, mas ela espera algo mais da vida. Com muito custo, Toula consegue convencer seu pai a lhe pagar aulas de informática e no curso conhece Ian Miller (John Corbett), se apaixonam e mantém o namoro em segredo. Mas logo eles são descobertos, desencadeando um processo de aceitação para Ian, para que ele possa se adequar às tradições gregas. O filme é sensível e recebeu muitos elogios da crítica!

 

Gostou? compartilhe!
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
http://quintadasbromelias.com.br/wp/2017/08/29/dica-da-quinta-os-10-melhores-filmes-sobre-casamentos-para-inspirar-se-emocionar-rir-chorar/
Twitter
YouTube
Pinterest
Instagram